Publicidade
Publicidade

06/06/2022 09:14h - Japão - Esporte

Seleção Brasileira vence o Japão com gol de Neymar

Neymar marcou de pênalti para o Brasil - Foto: Issei Kato / Reuters.

Neymar voltou a decidir para a Seleção Brasileira de pênalti. O camisa 10 marcou o único gol da vitória por 1 a 0 em amistoso contra o Japão na manhã desta segunda-feira, 6, no Estádio Nacional, em Tóquio, e chegou aos 74 gols com a camisa amarelinha. Esse foi a 19ª vez que o craque balançou as redes pela equipe nacional a partir de uma penalidade máxima. O Brasil entrou em campo pela primeira vez com o quarteto de ataque considerado titular: Neymar, Lucas Paquetá, Vinicius Junior e Raphinha. Porém, apesar da boa movimentação, a Seleção sentiu falta de um centroavante e teve dificuldade de furar a defesa japonesa. Logo no começo da partida, Paquetá teve a melhor chance após receber de calcanhar de Neymar e acertou a trave. Depois disso, a maioria das jogadas acabaram bloqueadas antes de chegar ao gol do Japão. Na 2ª etapa, Tite mexeu no time e colocou Richarlison, Martinelli e Gabriel Jesus em campo. Foi justamente em uma jogada brigada na área que o atacante do Everton, da Inglaterra, sofeu o pênalti. Neymar foi para cobrança aos 32 minutos e não desperdiçou. A partida marcou o 13º encontro entre Brasil e Japão na história. Agora, são 11 vitórias do Brasil e dois empates. A Seleção Brasileira volta a jogar em Setembro quando enfrenta a Argentina no 'clássico da Anvisa', partida ainda válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. O time de TIte ainda deve fazer mais um jogo na sequência antes de encerrar a preparação para a Copa do Mundo do Catar. FICHA TÉCNICA JAPÃO 0 X 1 BRASIL Local: Estádio Nacional, em Tóquio (Japão) Data: 06 de junho de 2022 (segunda-feira) Horário: 07h20 (de Brasília) Árbitro: Alireza Faghani (Irã) Assistentes: Ashley Beechan e Anton Shchetinin, ambos da Austrállia VAR: Kurt Ams (Japão) Cartão amarelo: Endo, Kamada (Japão); Raphinha, Neymar (Brasil) Gols: BRASIL: Neymar (32 minutos do segundo tempo) JAPÃO: Gonda; Nagatomo (Yamane), Itakura, Yoshida, Nakayama; Endo, Haraguchi (Kamada), Tanaka (Shibasaki); Junya Ito (Doan), Minamino (Mitoma) e Furuhashi (Maeda) Técnico: Hajime Moriyasu BRASIL: Alisson; Daniel Alves (Thiago Silva), Éder Militão, Marquinhos e Guilherme Arana; Casemiro (Fabinho), Fred (Richarlison), Raphinha (Gabriel Jesus) e Vinícius Jr (Gabriel Martinelli); Neymar e Lucas Paquetá (Bruno Guimarães)
Publicidade

Fonte: Terra

Publicidade

Notícias relacionadas

Publicidade