Rondônia, 17 de julho de 2018

NOTÍCIAS

18/06/2018 13:52

Estados Unidos

Cristãos dos Estados Unidos 'montam' como é o rosto de Deus

Reprodução

Cristãos dos Estados Unidos 'montam' como é o rosto de Deus

Como será Deus? A eterna pergunta tem uma resposta peculiar nos Estados Unidos. Pesquisadores da Universidade de Carolina do Norte (UNC), em Chapel Hill, construíram um assombroso retrato baseado em uma enquete feita com 511 cristãos norte-americanos e os resultados foram muito reveladores.

Os pesquisadores concluíram que as pessoas tendem a imaginar um Deus que se adapte às suas próprias necessidades.

No estudo, os participantes examinaram centenas de imagens aleatórias de rostos para selecionar quais eles acreditavam que mais se pareciam com Deus.

Joshua Conrad Jackson, responsável pelo estudo, disse que as imagens escolhidas refletiam as inclinaçōes políticas dos participantes. Por exemplo, as pessoas conservadoras eram mais propensas a escolher imagens de rosto de aspecto fortemente caucasiano.

Os mais liberais, por outro lado, pareciam mais propensos a escolher traços menos caucasianos, mais femininos e também mais jovens.

“Estes preconceitos podem ter surgido do ideal de sociedade que liberais e conservadores querem”, explicou o dr. Jackson.

O experimento também aponta que a imagem idealizada de Deus também é influenciada por aspectos demográficos dos participantes. Pessoas mais jovens preferem rostos juvenis, enquanto pessoas atraentes tinham maior propensão a escolher faces atraentes no experimento.

Do mesmo modo, os afrodescendentes tendem a escolher rostos negros em comparação aos companheiros de origem caucasiana.

O estudo, no entanto, não encontrou uma tendência à escolha por meio do gênero do votante: os participantes, no geral, escolheram imagens de Deus que tivessem aspecto masculino, mesmo que não pertencessem a este sexo.

“A tendência das pessoas em acreditar em um Deus que se pareça com elas demonstra uma natureza egocêntrica”, disse o professor Kurt Gray, principal autor por trás do estudo.

“As pessoas geralmente projetam suas crenças e traços sobre os outros”, afirmou. “E nosso estudo mostra que com a aparência de Deus isso não é diferente: elas acreditam em um Deus que não só pensa como elas, mas também se assemelha a elas”, continuou.

“Ainda que os cristãos norte-americanos acreditem em um Deus universal, suas percepçōes de aparência física não são universalmente similares”, completou.


Fonte:YAHOO





Últimas notícias

Carregando...

Notícias relacionadas

Carregando...
Carregando...