Rondônia, 27 de novembro de 2020

NOTÍCIAS

27/09/2020 21:00

Monte Negro

Candidato a prefeito no interior de RO já foi condenado por receptação de carga roubada e sonegação de pagamento de tributos

Os antecedentes constam em documentos anexados no pedido de registro de candidatura. Foto: Divulgacand/TSE.

Candidato a prefeito no interior de RO já foi condenado por receptação de carga roubada e sonegação de pagamento de tributos

O candidato a prefeito de Monte Negro José de Assis Barroso (PDT), mais conhecido como "Zé Barroso", já teve problemas com a lei penal, é o que consta na sua certidão de registros criminais juntada em seu pedido de registro de candidatura cadastrado no sistema Divulgacand 2020 do Tribunal Superior Eleitoral - TSE.

De acordo com a certidão, consta cadastrado em nome do "Zé Barroso", o processo número 0006567-96.2003.4.01.4100 da
5ª Vara da Justiça Federal em Porto Velho, por crime de sonegação de contribuição previdenciária, no qual foi condenado. O extrato de movimento desta ação aponta que a sentença transitou em julgado em setembro de 2012.

"Zé Barroso" também foi já condenado por crime contra o patrimônio, é o que consta no processo 002.2003.001.882.1 da 2ª Vara Criminal da Comarca de Ariquemes, os fatos narrados nesta ação apontam que no ano de 2003, Barroso comprou 15.000 litros de óleo diesel oriundo de roubo. De acordo com os autos do processo, o Diesel foi roubado por uma quadrilha fortemente armada, e descarregaram o combustível num posto de combustível a época localizado na linha C-14, zona rural de Monte Negro, de propriedade de Barroso. Em sua defesa no processo, Barroso alegou que não sabia que o combustível era produto de roubo, os juízes de primeiro e segundo grau rejeitaram a tese apontando diversas provas que Barroso tinha noção de que a mercadoria era de origem ilícita, dentre as quais o preço do óleo pago aos assaltantes foi menor que o de mercado e inclusive a descarga do óleo foi no período noturno, assim ele foi enquadrado pelo crime de receptação.

As penas de ambos os processos foram de prisão substituídas por restritivas de direito e prestação de serviços comunitários.

Esta não é a primeira vez que "Zé Barroso" se candidata a prefeito de Monte Negro, Em 2012 ele ganhou a eleição para prefeito, porém não chegou a assumir porque teve seu registro indeferido pela justiça eleitoral em razão dos fatos acima. A época assumiu o segundo candidato mais votado, o então Juninho Miotto (PP).

Barroso não se candidatou nas eleições de 2016, porém fez campanha de apoio elegendo o atual prefeito Evandro Marques (DEM), após este pleito, o Ministério Público Eleitoral instaurou procedimento investigatório criminal contra Barroso por suposta corrupção eleitoral (compra de votos) em benefício Evandro, a investigação ficou a cargo da polícia civil, o inquérito foi arquivado por carência de provas.

Além de ser político, Barroso é conhecido como empresário no ramo de compra e venda de café e produtor rural em Monte Negro, ele declarou a justiça eleitoral que é pecuarista, porém não possui qualquer bem.


Fonte:Jornal Rondôniavip



Candidato a prefeito no interior de RO já foi condenado por receptação de carga roubada e sonegação de pagamento de tributos Candidato a prefeito no interior de RO já foi condenado por receptação de carga roubada e sonegação de pagamento de tributos


Últimas notícias

Carregando...

Notícias relacionadas

Carregando...
Carregando...