Rondônia, 18 de setembro de 2020

NOTÍCIAS

28/07/2020 10:05

Cerejeiras

Jovem é preso acusado de atirar na ex-namorada de 15 anos no interior do Estado

Suspeito foi detido por uma guarnição da Polícia Militar

Jovem é preso acusado de atirar na ex-namorada de 15 anos no interior do Estado

Uma tentativa de homicídio, no qual uma adolescente de 15 anos foi baleada no tórax pelo ex-namorado, de 21 anos, foi registrada na noite de segunda-feira, 27, em uma residência localizada na rua Ceará, em Cerejeiras.

De acordo com o registro do caso, quando a guarnição da PM que atendeu o chamado e chegou ao local, se deparou com a vítima na rua, sendo amparada pela mãe e vizinhas.

A jovem que apresentava uma perfuração a bala no tórax, mas estava lúcida, alegou que seu ex-namorado, havia ido até sua casa e atirado contra ela uma única vez. Em seguida, teria fugido pulando o muro da residência vizinha.

Em contato com os moradores, um alegou ter visto um jovem magro saindo de seu quintal e empreendendo fuga, e que trajava uma camiseta de cor escura.

Após a menor ser conduzida ao hospital, os militares deram início às buscas pelo suspeito, até serem comunicados de que o acusado estava no mesmo hospital com a vítima, como se nada tivesse acontecido.

Em conversa com os policiais, o suspeito negou as acusações, porém entrou em contradição em seus relatos, afirmando que tinha ido, sim, na casa da ex, mas no período na tarde e que de lá se dirigiu para a residência da avó, onde teria permanecido até aquele momento.

Já em contato com a avó do acusado, os militares foram informados de que o jovem de fato foi até a casa dela, porém, depois das 21h00, e nem sequer entrou, apenas pediu um copo com água pois estava muito ofegante e foi embora.

Dentro do bagageiro da motoneta que o suspeito conduzia foram localizados alguns pertences, inclusive uma camiseta verde escura, virada do lado avesso, que confere com as características descritas por uma testemunha como sendo a que o autor do disparo usava.

Diante dos fatos o suspeito foi conduzido para a delegacia para serem tomadas as devidas providências. A arma do crime não foi localizada, porém, no local do crime foi encontrado o projétil que transfixou a vítima.

O Folha do Sul apurou que a garota continua internada no Hospital Regional de Vilhena, para onde foi transferida, e o quadro clínico dela é estável.


Fonte:Folha do sul





Últimas notícias

Carregando...

Notícias relacionadas

Carregando...
Carregando...