Rondônia, 25 de agosto de 2019

NOTÍCIAS

30/08/2016 23:59

São Miguel do Guaporé

PC prende jaruense pelo crime de porte ilegal de arma fogo no Vale do Guaporé e cumpre mandado de prisão

A ação policial ocorreu após rotina de abordagem

PC prende jaruense pelo crime de porte ilegal de arma fogo no Vale do Guaporé e cumpre mandado de prisão

Nesta terça feira(30), por volta das 12:20 horas, uma equipe mista da Polícia Civil composta por policiais civis das Delegacias de Presidente Médice e de Alvorada D’Oeste prenderam dois homens pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, em estrada vicinal próximo da BR 429, município de São Miguel do Guaporé. Na abordagem realizada a uma camioneta GM/S10 de cor branca, placa QBA 6600, estavam o morador de Jaru David Teixeira de Souza e outro homem identificado por Jaime Edson de Queiroz. No veículo, durante as buscas, foi encontrada a quantia R$ 30.000,00 (trinta mil reais), além de duas espingardas, dezenas de cartuchos e dois revólveres.

A ação policial ocorreu após rotina de abordagem, após essa equipe mista da Polícia Civil ter realizado investigações sobre lideranças e ponto de apoio de movimentos sem terras que tem assolado o Vale do Guaporé. Vale lembrar que recentemente, uma fazenda foi ocupada por dezenas de sem terras e, somente após ação da Polícia, foi reintegrada ao proprietário em cumprimento de ordem judicial. A abordagem ao veículo ocupado por David e Jaime ocorreu após denúncia anônima ligando o veículo à LCP (Liga dos Camponeses Pobres), mas não se revelaram verdadeiras.

Após as prisões, os dois infratores foram levados até a Delegacia do município de São Miguel do Guaporé, onde foram autuados em flagrante pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, pois as armas não teriam registros e os ocupantes da camioneta não teriam porte emitido pela Polícia Federal.

Durante apresentação, policiais civis de São Miguel do Guaporé descobriram e deram cumprimento a Mandado de Prisão expedido pela Comarca de Ariquemes, em desfavor de David Teixeira de Souza, pelo crime de homicídio. No caso, o mandado se refere ao desaparecimento da adolescente jaruense Taisa Maria Buss, ocorrido em novembro de 2014, não tendo, até hoje, sido localizado o corpo.

Em relação ao desaparecimento de Taisa, familiares desta informaram que a adolescente sumiu, no conglomerado da Fazenda Nova, município de Cacaulândia, após ser levada por Manoel Messias que foi preso, em Jaru, no fim do primeiro semestre deste ano, em cumprimento de Mandado de Prisão Temporária. Esta linha editorial fez contato com investigadores da Delegacia de Crimes Contra a Vida do município de Ariquemes, sendo informada que o Inquérito Policial que apura o desaparecimento de Taisa Maria Buss foi concluído, apontando que a adolescente foi assassinada com disparos de arma de fogo, na Fazenda Nova Vida, e teria sido David Teixeira de Souza o autor dos disparos, depois teria sumido com o corpo da vítima, ao final o Dr. VINÍCIUS LUCENA TAVARES BASTOS teria representado pela decretação da prisão preventiva do indiciado, o Poder Judiciário teria expedido ordem de prisão que não fora cumprida, pois David estaria foragido do município de Jaru, mas casualmente foi encontrada hoje.


Fonte:PC/RO



PC prende jaruense pelo crime de porte ilegal de arma fogo no Vale do Guaporé e cumpre mandado de prisão PC prende jaruense pelo crime de porte ilegal de arma fogo no Vale do Guaporé e cumpre mandado de prisão PC prende jaruense pelo crime de porte ilegal de arma fogo no Vale do Guaporé e cumpre mandado de prisão PC prende jaruense pelo crime de porte ilegal de arma fogo no Vale do Guaporé e cumpre mandado de prisão PC prende jaruense pelo crime de porte ilegal de arma fogo no Vale do Guaporé e cumpre mandado de prisão


Últimas notícias

Carregando...

Notícias relacionadas

Carregando...
Carregando...