Publicidade
Publicidade

04/08/2022 13:37h - Porto Velho - Policial

PF prende duas pessoas em operação contra o tráfico de drogas em Guajará-Mirim e Porto Velho

De acordo com a PF, os alvos são suspeitos de crimes de tráfico de drogas, lavagem de capitais e associação criminosa

Duas pessoas foram presas durante a Operação Fragmentado da PF (Polícia Federal), deflagrada na manhã desta quinta-feira (3) em Porto Velho (RO) e Guajará-Mirim (RO). De acordo com a PF, os alvos são suspeitos de crimes de tráfico de drogas, lavagem de capitais e associação criminosa. Os agentes cumpriram na manhã desta quinta-feira três mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão preventiva em Guajará-Mirim e Porto Velho. De acordo com a PF, as investigações começaram depois da prisão em flagrante de duas pessoas por uso de documentos falsos. A dupla estava em veículo registrado em nome falso. Os agentes também encontraram dentro do estepe do carro R$ 350 mil em espécie. O dinheiro foi apreendido por suspeita de ter saído do tráfico de drogas. Em seguida, foi identificado indícios de que os investigados adquiriram outros veículos com nomes falsos. Além de abrir uma conta bancária sob o falso nome. Os veículos, e a conta bancária, também foram sequestrados na deflagração da operação. Às 8h da manhã desta quinta, a assessoria da PF informou a prisão de mais um suspeito. De acordo com a atualização, um homem foi preso em flagrante por tráfico de drogas em Guajará-Mirim. Com o suspeito os policiais encontraram 5 kg de tabletes de maconha. A droga foi apreendida. Os investigados poderão responder pelos crimes de lavagem de capitais (Artigo 1º, Lei 9613/98) e associação criminosa (Artigo 288 do Código Penal), cujas penas máximas somadas chegam a 13 anos. O nome da operação faz referência as duplas identidades que possuíam os investigados, que se utilizavam de documentos falsos para encobrir sua atividade criminosa.
Publicidade

Fonte: Diário da Amazônia

Publicidade

Notícias relacionadas