Rondônia, 03 de agosto de 2020

NOTÍCIAS

03/01/2020 07:42

Porto Velho

Hospitais, estradas, combate à corrução: Rocha conta seus planos para o segundo ano de governo

Opinião de Primeira por Sérgio Pires

Hospitais, estradas, combate à corrução: Rocha conta seus planos para o segundo ano de governo

O governador Marcos Rocha é o personagem central da primeira coluna deste ano. Ele foi entrevistado pelos Dinossauros Domingues Júnior, Beni Andrade, Jorge Peixoto e Sérgio Pires, para o programa Papo de Redação da TV, que entra agora no seu sétimo ano para os telespectadores e no nono ano para os ouvintes diários da Rádio Parecis FM. Rocha respondeu a todas as perguntas, inclusive sobre como está o caso das gravações dos delegados, que sumiu do noticiário e de outros temas polêmicos. Avisou que ele participará da campanha municipal de 2020, mas só depois de ter a orientação concreta do presidente Jair Bolsonaro, a quem seguirá, independente de partido. Confessou sua timidez e contou que era gago quando criança. Foi curado pela irmã, a jornalista Kátia Rocha. Ao responder sobre quais as ações que o deixaram orgulhoso nesse primeiro ano, não poupou elogios ao seu secretário Fernando Máximo e chegou a se emocionar, ao falar sobre a retirada de pacientes dos corredores e garagens do João Paulo II, que completou um mês sem qualquer doente no chão.

Projetos importantes para 2020 também estiveram na pauta, como a construção do novo Pronto Socorro; o asfaltamento da Estrada do Belmont e a recuperação de várias estradas estaduais, como a que liga a Buritis. Já o Anel Viário não está entre as prioridades em termos de obras públicas, porque, a princípio, não haverá recursos para ele. Cada quilômetro de asfaltamento, do Anel, custaria entre 1 milhão e meio e 2 milhões de reais. Ele reafirmou, ainda, sua ojeriza a corrupção, garantindo que continuará combatendo qualquer ação nesse sentido, como já o fez nesse primeiro ano de governo. Destacou que não importa quem seja: caso seja descoberto qualquer ato de corrupção em qualquer área, os comprovadamente envolvidos serão demitidos sumariamente. “A corrupção, sob nenhuma forma, tem espaço nesse governo”, repetiu! Foi um longo bate papo, resumindo realizações, ideias, projetos e propostas. Vale a pena acompanhar o programa na íntegra, para se saber o que pensa o Governador rondoniense sobre vários assuntos (como a questão do Detran e suas múltiplas taxas, por exemplo) e os vários temas abordados durante o programa. O Papo de Redação na TV, o primeiro do ano, gravado nessa quinta, vai ao ar no sábado, a partir do meio dia e meia, na SICTV/Record. Imperdível para quem se interessa pelas coisas da nossa Rondônia!

UM MÊS DE CORREDORES LIVRES

Tanto o Governador quanto o secretário de saúde, Fernando Máximo, tinham sim o que comemorar nesta virada de ano. Depois de mais de duas décadas, pela primeira vez o hospital João Paulo II virou o ano sem um só paciente nem no chão, em seus corredores e muito menos nas garagens, ao ar livre. As cenas terríveis que se assistiu durante praticamente todos os últimos anos, terminou, ao menos até agora, na administração de Rocha. “Fruto de um trabalho árduo de mais de 10 meses; com a participação direta de mais de 50 servidores da Sesau e apoio do Hospital Sírio Libanês, cumprindo determinação do governador Marcos Rocha, atingimos esse objetivo desafiador”, comemorou Máximo. Nessa semana, se registrou o primeiro mês sem um só paciente no chão do JP II. Tomara que continue assim o ano todo! Outro dado importante e que, em 2019, o número de cirurgias feitas pela saúde pública do Estado foi 60 maior do que no ano anterior. Vem muito mais por aí, avisa o jovem e competente secretário.

THIAGO SAI NA FRENTE

Thiago Flores é candidato à reeleição em Ariquemes. Tem trabalho a mostrar. É uma cara nova na política rondoniense, que se consolida como uma importante liderança. Pode trazer, como companheira de chapa na disputa de outubro, a esposa do deputado Alex Redano, o próximo presidente da Assembleia Legislativa, para o período 2021/2022. Thiago entra no último ano de seu primeiro mandato com muitas realizações, principalmente em áreas vitais como a saúde pública, a educação e obras para a comunidade. É bom ficar de olho nesse jovem Prefeito, porque ele tem planos maiores para o futuro. A reeleição é apenas um deles. Carla Redano, atual presidente da Câmara Municipal, também tem se destacado na política local. Não há martelo batido ainda, mas que os dois grupos políticos andam conversando, andam sim! Em breve se saberá se o projeto vai dar certo. Claro que haverá muitas outras opções para o eleitor de Ariquemes, até porque não se sabe quem o senador Confúcio Moura, um dos grandes líderes da cidade, vai apoiar em 2020. Mas que Thiago sai na frente, não se duvide!

GLAUCIONE VAI À REELEIÇÃO?

Pelas bandas de Cacoal, se desenha novamente a dobradinha Glaucione Rodrigues/ deputado Cirone da Tozzo, para tentar manter o comando da Prefeitura. Se dependesse dos primeiros dois anos da atual administração, Glaucione não teria chances. A situação caótica que o petista Padre Franco Vialetto, que hoje vive na Itália, deixou a cidade, desgastou muito o novo governo. Glaucione teve que ter muito jogo de cintura; suportou críticas duríssimas e até agressões exageradas na mídia e nas redes sociais, porque enfrentou uma cidade que ficou quase como terra arrasada. Começou há pouco a mudar o quadro, agora com a situação saneada e com novos olhos. Teria grandes dificuldades ainda numa eventual tentativa de reeleição se o radialista e deputado Adailton Fúria, voltasse a concorrer à Prefeitura. Ele, contudo, tem afirmado que não participa dessa eleição municipal e quer concluir seu mandato na Assembleia, pensando numa reeleição em 2022. Mesmo assim, há outros nomes importantes, mas que ainda não saíram para as ruas.

OS IMBECIS E ANORMAIS SE MULTIPLICAM

Exageros, exageros! De um lado, o próprio Luciano Hang, o poderoso dono da maior rede de lojas do país, a Havan, num vídeo postado nas redes sociais, atacou o terrorismo, como o ato em que puseram fogo numa Estátua da Liberdade, que caracteriza suas lojas, registrado em São Carlos, São Paulo. O ato abominável, que merece todas as críticas e o peso duro da lei sobre quem o cometeu, foi usado por Hang, num vídeo em que coloca a destruição das Torres Gêmeas, em Nova York, num atentando histórico e horroroso, que matou quase 3 mil pessoas, como se pudesse ser comparada ao ataque idiota a uma de suas lojas. De outro lado, os imbecis esquerdistas, incentivando o ato, como se ele não fosse tão danoso quanto o foi o ataque ao prédio do grupo Porta dos Fundos, recentemente, no Rio de Janeiro. Hang recebeu solidariedade até do presidente Bolsonaro, que apareceu em foto com a camiseta de um time patrocinado pela Eucatur e pela própria Havan, enquanto os idiotas ideológicos se esbaldavam, vomitando besteiras pelas redes sociais. O país, preocupado, mais uma vez compreendeu que malucos extremistas de todas as cores, só servem mesmo para serem o que são: anormais que se utilizam da violência e do anonimato para imporem suas ideias anormais. O resto é conversa mole.

PROMESSAS DE CAMPANHA

De 33 promessas do prefeito Hildon Chaves, ele cumpriu onze (33,3 por cento); seis cumpridas parcialmente (18 por cento) e 16 ainda não cumpridas (48,5 por cento). Realizou obras de asfaltamento, mas deve ainda questões primárias, como a implantação do estacionamento pago no centro da cidade. Não manteve, como prometeu, passagens dos ônibus a preços acessíveis (aliás, o transporte coletivo é um dos graves problemas herdados pela atual administração e até agora não resolvido); criou o centro de pesquisas. Mas não cumpriu a implantação de sistema de água e esgoto da cidade. Criou um programa de revitalização de praças, ainda parcialmente concluído, mas ficou devendo ações na saúde e no transporte escolar. Não conseguiu cumprir a meta de ultrapassar o IDEB, o que pode ser feito em 2020, mas ampliou um grande número de escolas, conforme prometeu. No seu último ano de governo, Hildon Chaves garante que atingirá muito mais metas do seu governo, incluindo várias outras que não estavam no programa original, mas foram surgindo durante a realidade do dia a dia da administração. Levantamento do site G1, da Globo, diz que a média nacional dos prefeitos é ter cumprido apenas 39 por cento das promessas de campanha.

O JAMES BOND DE GUAJARÁ

O megaempresário Carlos Gohsn, nascido em Iata, distrito de Guajará Mirim, há 65 anos, torna-se novamente personagem de grande destaque no noticiário internacional, agora por sua intrépida fuga do Japão, onde está sendo acusado pelo Judiciário daquele país, de crimes contra o fisco e de ilegalidades cometidas no comando da Renault/Nissan. O noticiário aponta uma escapada cinematográfica de Carlos Gohsn, que teria saído do Japão, escondido dentro de uma enorme caixa de som de um grupo musical contratado por ele, para uma festa de ano novo em sua casa, onde cumpria prisão domiciliar. Um jato o levou ao Líbano, um dos países onde tem nacionalidade. Além de brasileiro, ele tem passaportes da França, da Argélia e do Líbano. A Interpol já o colocou na lista dos procurados, mas até agora não se sabe exatamente onde ele está. Os japoneses até agora estão tentando entender como Gohsn conseguiu fugir à la James Bond, o 007, aquele famoso agente secreto inglês dos filmes inesquecíveis de espionagem....

PERGUNTINHA

Para quem sonhou com toda a fortuna sorteada pela Mega Sena da Virada, onde apenas quatro apostas dividiram os 304 milhões de reais, não está na hora de reduzir os planos de viagens pelo mundo, como andar de veleiro nas Ilhas Gregas, trocando-os pelos banhos nos entornos das nossas cidades rondonienses?


Fonte:Sérgio Pires





Últimas notícias

Carregando...

Notícias relacionadas

Carregando...
Carregando...